Como Traduzir Produtos Digitais Licenciados - Nerd Rico

Blog

Como Traduzir Produtos Digitais Licenciados

Rafael Cruz
Escrito por Rafael Cruz
Como Traduzir Produtos Digitais Licenciados
Junte-se a mais de 5248 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você que já viu meu artigo sobre comprar licenciamento de produtos digitais americanos deve ter ficado impressionado com esse nicho altamente lucrativo e desconhecido no Brasil.

Este já é um mercado super aquecido nos EUA, porém quase desconhecido no Brasil, e isso por si só já traz uma grande oportunidade para você.

Mas uma pergunta, assim como um mosquito insistente, pode estar te incomodando agora: “Como faço para traduzir produtos digitais licenciados que eu vou comprar?”

Para te ajudar com essa dúvida, eu quero hoje te mostrar mais um passo rumo ao seu negócio digital de sucesso: Você vai aprender a traduzir os produtos digitais licenciados que comprar em sites estrangeiros.

Se você ainda não sabe o que é um produto PLR, clique aqui e confira o conteúdo sobre o assunto antes de descobrir como traduzir e lançar seu produto.

E então, já leu? Está pronto? Vamos lá, que eu quero te ajudar a lançar seu produto online em menos de um mês.

Por que traduzir produtos digitais licenciados?

Como já falei aqui no blog, indico fortemente comprar produtos digitais licenciados em sites estrangeiros, mas, ao fazer isso, você deverá traduzir o produto para Português e editá-lo, fazendo com que ele se adeque à linguagem brasileira.

Apesar de ter que traduzir produtos digitais licenciados por si só ou pagar um freelancer para isso, comprar produtos estrangeiros é mais seguro, já que dificilmente alguém do Brasil vai comprar os mesmos produtos que você e a dificuldade em editar o conteúdo será menor no final das contas.

Sim, é possível comprar produtos no Brasil, mas o mercado de produtos digitais para revenda não é tão conhecido no Brasil e poucos sites vendem o acesso a produtos PLR.

Mas a desvantagem que vejo hoje é que será mais fácil seus concorrentes terem acesso aos mesmos produtos que você, portanto o trabalho na edição para que o conteúdo fique diferente será maior (o que tomará mais o seu tempo ou dinheiro com freelancer).

O licenciamento de produtos digitais é interessante para vários tipos de profissionais e com diferentes objetivos de lançar conteúdos, como pessoas que:

  • Querem criar facilmente artigos em blogs sem perder muito tempo para gerar tráfego orgânico.
  • Querem criar um produto do zero em menos de 30 dias e ganhar de 100 a 1.000 reais por dia com a venda desses produtos.
  • São criadores de conteúdo e querem otimizar tempo na criação de conteúdos para clientes finais.
  • Querem comprar um produto com todo o funil pronto e vender sem precisar aparecer.

A questão é que comprar e traduzir produtos digitais licenciados é altamente lucrativo, já que os conteúdos são escritos por profissionais e estão praticamente prontos para a revenda.

As 3 maneiras mais fáceis de traduzir produtos digitais licenciados

Depois que você comprar um produto PLR no site confiável (dei exemplos de alguns nesse outro artigo), vai receber no seu e-mail o acesso a área de membros do site e também o acesso aos arquivos para baixar pelo próprio e-mail se preferir.

Agora que já tem seu PLR ‘em mãos’, começamos com a tradução do produto.

Se você licenciou um produto digital estrangeiro e quer fazer a tradução sozinho, você tem algumas opções fáceis:

1 – Word

No Word, é possível traduzir o conteúdo clicando em “Revisão” > “Traduzir” > “Traduzir documento”.

Se seu arquivo Word não te dá essa opção, é porque vai precisar salvar o arquivo como cópia já que o original está sem a opção de edição habilitada ou, se aparecer a alternativa “habilitar edição”, clique para conseguir editar o documento original.

Também existe a possibilidade de o seu Word estar desatualizado. Você pode conferir na loja oficial do Office 365.

2 – Google Drive

No Drive do Google, você pode fazer upload dos conteúdos e traduzir, clicando em “Ajuda” > na pesquisa coloque “Traduzir documento”.

Se você fez upload do arquivo, abriu o documento e ele não está aparecendo a opção de tradução, então significa que precisa salvar como um documento Google para que ele faça a tradução online.

Para salvar como documentos Google e acessar a opção de tradução online, é simples: 

  • Arquivo em formato txt – você clica duas vezes no documento > “Abrir com” > “Documentos Google”. Após isso, ele vai criar uma cópia em documento Google e você já pode seguir os passos que falei há pouco.
  • Arquivo em formato word – clique duas vezes no documento e ele vai abrir direto em nova aba. Após isso, clique em “Salvar como documentos Google” e o novo arquivo vai abrir em nova aba. No novo documento que abrir, siga os passos que falei há pouco para traduzir.

3 – Google Translate

No Google translate, você pode inserir o texto e copiar a tradução em Português em um documento do Google ou, até mesmo, no Word.

De qualquer maneira, em qualquer um desses formatos, para traduzir produtos digitais, é importante não só copiar e colar, mas também alterar o conteúdo de acordo com a cultura e linguagem do seu público e persona.

Caso opte por licenciar um produto digital estrangeiro e não queira traduzir sozinho, pode contratar um freelancer de tradução. Já vou te dar algumas dicas para isso, mas, antes, vamos falar sobre um detalhe importante…

Por que você precisa editar seu produto licenciado depois da tradução?

Se você licenciou produtos digitais estrangeiros e traduziu sozinho o seu produto, volte corrigindo alguns termos que não são usados aqui no Brasil. No caso de um tradutor freelancer, o certo é que ele mesmo faça essa alteração.

Depois de fazer as edições culturais, é necessário que você volte lendo o produto e adicione o seu ‘toque’ nele; é assim que ele vai se destacar do restante dos concorrentes.

Claro, você pode editar pouca coisa do conteúdo, se quiser – principalmente se ele já for completo. Mas o PLR mais valorizado é aquele que conta com suas experiências de vida e histórias que não serão encontradas caso outra pessoa traduza o mesmo produto que você.

Essa edição é ainda mais importante se você comprou produtos já brasileiros, já que a chance é grande de outras pessoas usarem o mesmo conteúdo que você.

Editando com sua marca e personalidade, é mais difícil alguém se comparar a você, mesmo que a base do conteúdo seja a mesma.

Em qual formato você recebe seu produto licenciado?

É importante falar disso porque muita gente fica perdida ao comprar o produto PLR, achando que vai ter que refazer o produto, no caso de alguns que não permitem a edição direta.

Exemplo: imagina que você comprou um ebook PLR praticamente pronto, que está diagramado, com sumário, tudo certo; basta traduzir e, se quiser, adicionar informações. Mas, ao baixar, percebeu que ele está em PDF, por exemplo. 

Na primeira vez que comprei, fiquei perdido com isso. Por isso, vou te falar dos diferentes tipos de conteúdos que você pode receber ao licenciar um produto digital. Vamos lá!

PDF

Na lista dos conteúdos escritos que mais ficam disponíveis para baixar, o PDF é um dos mais usados. Até aí tudo bem, mas como traduzir produtos digitais que estão em PDF? Como editar esse PDF e aproveitar a diagramação / formatação pronta dele, sem ter que pagar um designer?

Existem algumas opções, como converter o PDF em documento de texto editável (doc) ou você pode usar sites que traduzem PDFs.

Traduzir produtos digitais em PDF

Em vez de fazer uma lista extensa aqui, vou te passar um site que já testei e funciona muito bem para traduzir produtos digitais, mesmo que eles estejam em PDF.

O nome do site é Online Doc Translator e você pode ficar tranquilo que ele é online e totalmente gratuito. Para fazer a tradução, basta seguir esses passos:

  1. Baixe seu PDF no idioma original que comprou;
  2. Acesse o site Online Doc Translator;
  3. Clique em “Tradutor”;
  4. Arrastando a tela para baixo, você vai ver “Arraste & solte seu arquivo aqui” ou “Envie um arquivo”; clique em “envie um arquivo” e selecione o PDF que comprou;
  5. Arraste a tela um pouco mais pra baixo e em “From: Detectar Idioma” selecione o produto que quer traduzir;
  6. Depois em “To: Inglês”, mude para o idioma que deseja;
  7. Depois clique em Traduzir;
  8. Aguarde a mensagem na nova tela. Quando vir o “Tudo pronto!”, sua tela vai rolar automaticamente para duas opções. Selecione o “Baixe seu documento traduzido”.
  9. O download vai iniciar e você vai ter seu doc em PDF traduzido. 

Caso, depois de traduzir produtos digitais, você queira editá-los para que eles fiquem com uma boa linguagem, mas não queira perder a formatação, é possível converter PDF em Word.

No próprio site que te passei aqui, depois de baixar, pode clicar em “Converter meu PDF para Word” e seguir os outros passos que estarão lá. Importante avisar que o PDF convertido em Word demora um pouco para baixar, então não se assuste.

Como converter o PDF para traduzi-lo

Além do Online Doc Translator, você pode também usar alguns outros sites para converter pacotes de artigos em PDF para Word. Vou deixar alguns links de sites gratuitos para usar, caso precise:

TXT

Muitos sites de PLR que vendem pacotes grandes de artigos os envia em formato “.txt”. Sim, o site que passei aqui para converter também podem funcionar para esses tipos de arquivos, mas tem um grande problema: muitos têm quantidades limitadas de conversões simultâneas (geralmente, de 1 a 10).

Imagina, por exemplo, se você comprou um pack de 500 artigos de blog. Quanto tempo vai demorar para converter e baixar todos esses arquivos?

Se você viu essa extensão de arquivo e se assustou ou, depois de baixar, ficou entrando em sites para converter em doc um a um, tenho uma dica hack para você…

Faça upload dos arquivos em uma pasta do seu Google Drive. Quando você clicar duas vezes em cima do arquivo para conseguir visualizar e clicar em “Abrir com” > “Documentos Google”, ele já vai criar uma cópia em doc para você.

Assim, você converte quase automaticamente seus documentos que tiver interesse em usar. Só não esqueça depois de excluir o arquivo duplicado.

Outros formatos

Além do PDF e do TXT, pode ser que seu arquivo já venha em word, pronto para traduzir e editar, o que é ótimo, claro.

Mas se você comprou cursos, audiobooks ou outros formatos, traduzir esses produtos digitais vai requerer que você conheça a língua original do produto ou pague a algum freelancer para traduzir o conteúdo falado em conteúdo escrito e em Português para você.

Claro, no caso de vídeos e audiobooks, você vai precisar regravar os vídeos, já que o produto tem como original outra língua e aparece outra pessoa também.

Por isso que, para começar, recomendo sempre que seja por um ebook, artigos ou outros conteúdos já escritos; assim, você não vai precisar aparecer e nem regravar conteúdos, é só traduzir produtos digitais e editá-los para lançá-los no mercado.

Como Traduzir Produtos Digitais Licenciados Mesmo sem Dominar o Inglês

Já falei, em outros artigos, sobre como é fácil licenciar um produto digital, 100% pronto e com o marketing todo criado pra você, nos dias de hoje. Basta compra a licença e pôr pra rodar.

Aqui, já te ensinei a traduzir produtos digitais sozinho, mas agora eu quero te mostrar como é fazer a adaptação desses produtos, mesmo que ele esteja todo em inglês e você só saiba falar “The book is on the Table”.

Mesmo para quem domina o inglês e sabe escrever, eu não acho que valha a pena perder o seu tempo para traduzir tudo sozinho. Por isso, separei algumas dicas caso vá contratar algum freelancer para te ajudar nessa missão!

Dicas ao contratar freelancers para traduzir produtos digitais

Evite contratar usuários novos

Normalmente, esses caras possuem o melhor preço, justamente para poder conseguir clientes rápidos e montar portfólio. 

Mas é um risco. Você não tem como saber se o cara é bom mesmo ou se ele apenas faz um trabalho duvidoso.

Olhe sempre o seu portfolio

O cara pode ser muito bom para uma coisa mas não ser muito bom em outra. E isso você consegue identificar olhando seu portfólio. 

Exemplo: você busca um tradutor de inglês para português para traduzir um curso de culinária. Aí você encontra um cara com grande portfólio, mas tudo que ele fez foi traduzir trabalhos acadêmicos. 

Ele nunca pegou um trabalho que exigia uma adaptação para um outro tipo de cultura, como por exemplo a tradução de um livro de finanças ou auto-ajuda etc. Esse pode ser um sinal para fazer um teste com ele ou procurar alguém já pronto e adaptado ao seu nicho.

Olhe sempre suas qualificações

Sempre escolha tradutores com, no mínimo, 10 trabalhos realizados e com pontuação acima de 90% de satisfação. Assim, você garante que ele é um cara bom e responsável. 

Muitas das vezes, conseguimos identificar se o cara é pontual e se é atencioso nos depoimentos dos seus clientes.

Vou te indicar 4 sites que eu uso e sempre encontro ótimos profissionais:

Fiverr traduzir produtos digitais licenciados
FIVERR
vinte pila traduzir produtos digitais licenciados
VINTE PILA
Workana traduzir produtos digitais licenciados
WORKANA
freelancer traduzir produtos digitais licenciados
FREELANCER

Todos são gratuitos. Eles só irão cobrar um percentual QUANDO você contratar alguém.

Está na hora de traduzir produtos digitais licenciados?

E então, nerd. O que achou das dicas que te passei aqui para traduzir produtos digitais e lançá-los no mercado em menos de um mês?

Ainda tem dúvida sobre como fazer isso? É só deixar um comentário logo abaixo, no fim do post, que eu terei imenso prazer em te ajudar.

Se você já entendeu como traduzir produtos digitais, mas está em dúvida com outras etapas do processo, é só acessar meu passo a passo para licenciar um produto digital.

Mas se você é um nerd dedicado que leu todos os meus posts e quer que algum expert te pegue pela mão para lançar seu produto em apenas 21 dias, tenho uma novidade…

O carrinho do Digital Sem Barreiras está aberto novamente. Lá, você vai saber na prática sobre esse mundo do licenciamento e como os pioneiros deste mercado no Brasil já estão faturando de R$ 100 a R$ 1000 por dia com esse método. 

Para conseguir sua vaga no programa Digital Sem Barreiras, do Romualdo e da Cris Franklin, é só clicar no botão abaixo!

Opa,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 Replies to “Como Traduzir Produtos Digitais Licenciados”

alex oliveira

onde esta os sites de compra de produtos americanos pra licenciar ?

Rafael Cruz

Alex, tem centenas de sites. Só procurar no Google que você encontra. Não dá pra listar tudo no artigo.

Taylana

Gostei muito do conteúdo do site, mas a minha duvida não é relacionada a tradução eu queria saber um bom lugar para conseguir achar o licenciamento de produtos dos EUA

Rafael Cruz

Oi Taylana, existem milhares de sites pra você procurar um produto pra licenciar. Dica: entra no Google e pesquisa: PLR Digital Products. Você vai encontrar um monte de site pra pesquisar pelo seu produto.

Leandro

Oi Rafael.
Era isso que estava faltando o vídeo 2 da Cris.Falar em qual sites,por exemplo,e até mesmo abordar um pouco sobre isso.

Antonio

Rafael, não entendi a razão deste seu artigo. Não vi nada agregado sobre licenciamento de produtos estrangeiros. Só vi a indicação de Link de um curso de Terceiros

Rafael Cruz

Antonio, na primeira linha do artigo eu recomendo um artigo completo onde fala sobre licenciamento. Esse aqui, como o título do artigo sugere, é pra tratar da tradução dos produtos. Não pra falar sobre licenciamento.

PARTICIPE DA NOSSA COMUNIDADE

Faça parte da nossa comunidade no Facebook para conhecer novos empreendedores, trocar informações e dúvidas.